Quem poderia estar tão preocupado quanto nós, com essas ameaças constantes de contaminação com essa praga do Ransomware? Exato, a Microsoft!
Claro, afinal de contas o seu vulnerável sistema operacional até então nunca tinha sofrido tanto.
Por isso a empresa iniciou uma empreitada para tentar acabar de vez com esse problema, lançando mão de uma ferramenta nativa que virá na próxima grande atualização do Windows 10, que promete proteger o conteúdo dos diretórios Documentos, Imagens, Filmes e Área de Trabalho.
A ferramenta solicitará confirmação do usuário, sempre qualquer alteração estiver sendo feita nesses diretórios (incluir, deletar, renomear, compactar e etc).
Por que ninguém pensou nisso antes? (risos)
Só resta esperar que a programação por trás dessa novidade não venha cheia de bugs que permitam driblar a funcionalidade.